sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Zoo(i)lógico

Cena do filme "Blade Runner" de Ridley Scott

O ardido sol surgia para iluminar mais um sufocante dia de verão, enquanto velhas silhuetas caminhavam em direção a ela: a destemida Arara-Azul. 

terça-feira, 29 de agosto de 2017

Fuga

Cena do filme "Corra Lola, Corra" de Tom Tywker

Deitada sob a superfície aconchegante de seu peito, ela era acariciada pelos cabelos castanhos com afago e delicadeza. As horas, ociosas, postergavam sua passagem para poder contemplar a paisagem de corpos nus desenhados sobre a cama. Os pensamentos do jovem casal perfuravam as paredes do pequeno quarto e voavam por horizontes desconhecidos.

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

Enigma

Cena do filme "Following" de Christopher Nolan

Na cama
Destroços do tempo
Você me emprestando o silêncio da Esfinge
E tudo distante, fora do alcance
Da minha compreensão 

quinta-feira, 18 de maio de 2017

O Mundo Desnudo

Cena do filme "Colateral" de Michael Mann

Ela atravessou a rua como se estivesse desfilando pela lua, os olhos dos carros reluziam em sua direção e os motores silenciaram para ouvir seus passos. Era a mais bela de toda a cidade, a loba cinzenta dos olhos dourados.


Por Vitor Costa

domingo, 23 de abril de 2017

Afogando

Cena do filme "O Escafandro e a Borboleta" de Julian Schnabel

Na ausência do tato
Eu me debato
Como um verme, rastejo-me
Pelas paredes de titânio
Que seduzem meu crânio

quarta-feira, 1 de março de 2017

Universo Particular

Cena do filme "Mesmo Se Nada Der Certo" de John Carney

Pelas entranhas congeladas dos metrôs de São Paulo, um jovem casal, na faixa dos 25 anos, observa a estrondosa correnteza de pessoas, a maioria constituída de adolescentes com garrafas de vodca nas mãos, exibindo os corpos em transe e a selvageria dos primatas.

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

Mar Adentro

Cena do filme "Vício Frenético (1992)" de Abel Ferrara

O quarto escarlate, um tanto rústico, de rachaduras e escassez de mobília, abriga Denis e a podridão do mundo.

quinta-feira, 5 de janeiro de 2017

A Inexata Medida do Ser

Cena do filme "Ex Machina" de Alex Garland

Mais um dia finalizado, de números inúmeros e precisão calculada. 

Dia após dia, Ana equacionava a vida, balanceando as possibilidades, para que não houvesse gastos sem necessidades. De números, emoldurava a realidade. Quantos quilos? Quantas horas? Quantos litros? Quantos gritos?

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

Dualidade

Cena da série "Mr. Robot" de Sam Esmail

Eu vou perder o pingo que me resta
Do véu da sanidade
Do comportamento esperado
Desesperado

terça-feira, 30 de agosto de 2016

Febre

Cena do filme "Akira" de  Katsuhiro Otomo

Antes, um organismo incólume, saudável, vigoroso, que funcionava em perfeito equilíbrio.

Antes, ao sinal de quaisquer anomalias, seus eficazes anti-corpos se encarregavam de exterminar as ameaças.