domingo, 24 de abril de 2016

À Vida

Cena do filme "Minha vida sem mim" de Sarah Polley

A vida, que não sei de onde
A vida, que não sei quando
A vida, que nem sei o quê
A vida, é falta do que fazer.

Por Vitor Costa

5 comentários:

  1. Hahahahaha! Sim! Preenchamos o tempo :)

    ResponderExcluir
  2. O tempo é uma convenção humana.Abraços, amigo.

    ResponderExcluir
  3. A vida é estranha .-. Pensar nela torna ainda mais, mas ela passa batida se não pensar tb.
    Ah, suas palavras amg :D

    Passe bem
    xoxo

    ResponderExcluir
  4. Que saudade de visitá-lo, Vitor!
    De fato, por vezes é complicado compreendermos os mistérios da vida, bem como o propósito da mesma..

    Um abraço

    ResponderExcluir
  5. É. Falta o que fazer mas nós vivemos.

    ResponderExcluir